quinta-feira, 11 de junho de 2015

TEMOS QUE ERGUER AS MÃOS PARA O CÉU!

Projetos terão agora verba de R$ 1 milhão. Foto: Matheus Beck/TXT
Porto Alegre (RS) - A prorrogação por mais 180 dias do Decreto Estadual 52.230, que visa o contingenciamento no orçamento do Estado, anunciada na última semana pelo governador José Ivo Sartori, provocou aflição no esporte gaúcho. Caso a suspensão da apresentação de novos projetos ao Programa Pró-Esporte seja mantida no “pacote” do decreto, clubes correm o risco de ter que interromper as atividades.

NOTA DO EDITOR: Alô amigos! Os dirigentes dos clubes de vôlei no Estado estão bastante apreensivos e até mesmo indignados com o Governo do Estado e principalmente com o secretário de Esporte, Lazer e Turismo, Juvir Costella, por terem limitado o valor de R$ 1 milhão por projeto. Até o ano passado o valor era livre, porém com a crise financeira, o governado José Ivo Sartori está cortando muitas coisas, inclusive em áreas como na saúde, por exemplo! Sei que agora ficou mais difícil para manter os projetos, isso vale para a Voleisul, Bento Vôlei, Vôlei Canoas que estão desenvolvendo o vôlei profissional, mas na atual conjuntura econômica do Estado e do Brasil temos que erguer as mãos para o céu e agradecer por ainda ter R$ 1 milhão para investir! EM TEMPO: Tem hospitais no Estado que estão fechando por não tem R$ 1 milhão para melhorar o atendimento. Pensem nisso!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...